1 de jun de 2010

CãoMinhada "Eu amo meu pet"

Aconteceu nessa manhã de domingo (13/06/2010) a primeira Cãominhada "Eu amo meu pet", uma iniciativa da jornalista Valeriana Medrado, uma das responsáveis pelo site Clube do Pet (http://www.clubedopet.com.br/).
A idéia nasceu depois que comentei com ela sobre o Parque Linear de Uberlândia, um espaço onde os cachorros são bem vindos e contam com uma enorme área verde, sem muito trânsito, para poderem se exercitar, brincar, comer grama, respirar ar puro.
Tenho uma cachorrinha da raça Doushchound e logo que o parque foi entregue à população fui até lá conferir se poderia passear com cachorros. Apesar de ser longe de casa, vale a pena.
A Cãominhada deste domingo reuniu umas 40 pessoas e uns 30 cachorros, de todas as raças e tamanhos. Teve pet shop (Bichos e Caprichos) distribuindo petiscos, adestradores orientando sobre a importância de caminhar e exercitar os cachorros, veterinátios orientando sobre os beneficios dos exercícios, da disciplina, do carinho. Falou-se também em posse responsável, tema sobre o qual reflito desde que resolvi adquirir minha cachorrinha. Ter um bicho é um compromisso, não é um capricho, um mimo. A gente vai ter que cuidar da criaturinha por pelo menos uns 10 a 15 anos.
Iniciativas como a do Clube do Pet são muito legais porque promovem o exercícios entre os seres caninos e a aproximação entre os seres humanos. Conversei com gente que nao conhecia, observei as pessoas com seus cachorros, todos alegres, uma energia tão boa em meio a uma cidade onde estamos nos tornando ligeiramente mais reclusos, com medo de tudo, inclusive do outro.
Uma outra coisa legal da Cãominhada foi a participação de membros da Associação Protetora dos Animais de Uberlândia (APA). Eles também falaram um pouquinho sobre a posse responsável. Alguns participantes doaram ração para os cachorros abrigados e mais uma vez fiz minha reflexão sobre bichos de estimação. Quem tem cachorro sabe o quanto é bom, mas é melhor não ter se não estiver disposto a cuidar. E isso exige alimentar, abrigar, exercitar, ter paciência, saber educar, dar carinho, respeitar e ser respeitado, limpar caca, lidar com as artes. Bicho é bicho. A gente tenta humanizar os animais, mas eles são bichos. Querem gastar energia, correr, brincar. Bicho não nasceu para ficar obeso, à toa dentro de casa. Nem que seja uma vez por semana, ele precisa passear, cheirar a grama, ver outros cachorros, latir...
Minha cachorra tem carinha de quem é feliz. Ela sorri para mim, me encosta o nariz gelado, me dá bom dia, abana o rabo que nem um espanador sempre que eu chego em casa. Ela se aninha no meu colo quando estou assistindo televisão e chama minha atenção quando fico muito tempo no computador. Quando calço o tênis, ela já sabe que é hora da "cãominhada" e quase se quebra no meio de tanta excitação.
Cachorro é tudo de bom, mas é preciso ser responsável.
Até a próxima CãoMinhada.

Nenhum comentário: